Por aquela noite na escada que sei que você não quer lembrar...

Oh tristeza que recobre a terra
Bem, durou por um tempo
Oh terra, ore por mim...
Pague meus pensamentos pelo o que eles valem
Eu tenho agido como uma criança
E sua opinião, o que me importa?
É só mais um diferente ponto de vista...

O que mais, o que mais posso fazer?
Eu pedi perdão, sim, perdão...
Eu pedi perdão, mas para que?
Pois se eu te machucar, então eu sei que irei me odiar
E eu não quero me odiar,
E muito menos te machucar
Por que você escolheu sua dor, se você sabia o quanto eu te queria?

Bem, eu já não serei o seu inverno
E eu não serei a desculpa para alguém chorar
E um dia nós poderemos até ser perdoados
E eu estarei aqui

Fotos velhas na estante
Bem, tem estado lá há algum tempo
Uma imagem congelada de nós dois
Nós estávamos agindo mesmo como crianças
Inocêntes em um transe
Uma dança que durou por um tempo
Leia meus olhos como um diário
Oh, lembre-se, por favor, lembre-se
Bem, eu não sou um mendigo, mas mais uma vez
Se eu te machucar, então eu irei me odiar
E eu não quero me odiar,
Tão pouco quero te machucar
Mas por que você escolheu sua dor, se você sabia o quanto eu gostava de você?

Bem, eu já não serei o seu inverno
E eu não serei a desculpa para mais ninguém chorar
E um dia nós poderemos até ser perdoados
E eu estarei aqui...

>Versão modificada da música Your Winter do Sister Hazel...

2 comentários:

priscila | 6 de junho de 2009 18:37

a coisas mudam
e pessoas como nos ficam as vezes parados no tempo...
pensando apenas pensando
pq mudar a realidade?
e nada muda e continuamos aki
"E eu estarei aqui..."

priscila | 6 de junho de 2009 18:38

pois é pois entao aki é a joy!! no gmail da k!!

Postar um comentário

G+

Mostruário...

Qualquer Coisa © 2008. Blog design by Randomness