Final de ano... grande coisa, nam...

É meio estranho quando chegamos a essas épocas do ano... Épocas em que, por mais que você não queira, te tocam... Natal pra mim é sinônimo de jogar pedra em árvores, família viajando (cada um para seu rumo), festas até não querer mais e ex voltando a perturbar...

Sei lá, esse ano eu nem sei o que vou fazer (assim como são todos os anos)... acho que vou ficar em casa mesmo ou, quem sabe, viajar pra bem longe...

É engraçado, mas eu parei agora pra pensar no meu passado... estava vendo umas fotos e umas mensagens... Cara, é tão chato lembrar que é sempre você que estraga tudo, no caso eu quem sempre estrago tudo... Sou sempre eu que vacilo e te faço terminar. Sou sempre eu que troco tudo por você e largo meus amigos, mas se troco você por eles, então, eu te perco, assim como aconteceram várias vezes...

Sei que hoje faríamos 1ano de namoro, mas você não está aqui. Sei que vacilei, mas você também não ajudou. Na nossa primeira briga séria nós terminamos... Sei que você pode sempre me culpar por eu ter chegado em ti só porque queria pegar a sua amiga, mas você é que sempre chamava os meus amigos de maconheiros e psicopatas... Se não fossem esses erros nós nunca teríamos nos conhecido...

Hoje, eu sei bem o quanto sinto sua falta, mesmo sendo mentira. Eu queria pelo menos ter alguém pra conversar no dia do nosso aniversário de 1ano...

Por nós e por eles... afinal, sou só um babaca que concertava aspiradores e corações...

Quantas vezes estive aqui
Quantas vezes eu me perdi
E quantas vezes eu me perdi no oceano
Se você não estivesse lá para me salvar

Estamos à velar, a velar todas as noites
Nós estamos à deriva, à deriva sozinho excetuando
Não pra mostrar o quão necessitados estamos
Mas eu gostaria de curar suas feridas se você se machucar

Quantas vezes já te magoei
Quantas vezes você já me machucou
E quantas vezes eu fiquei sobre meus joelhos
Implorando, implorando por favor que me perdoe

Estamos à velar, a velar todas as noites
Nós estamos à deriva, à deriva sozinho excetuando
Não pra mostrar o quão necessitado estamos
Mas eu gostaria de curar suas feridas se você se machucar

Obrigado por ter sido tão paciente comigo
Eu tenho sido mais fraco do que eu devia ser
Desespero e inveja cegam minha mente
E eu não podia ver como é que você está tentando por mim


Só preciso de companhia...

Obs.: Esta música chama-se Alone Apart de autoria de The Swell Season, banda de Glen Hansard (da banda irlandesa, The Frames) e Marketa Irglova (pianista clássico tcheca e vocalista).

Quem quiser ver um vídeo...
http://www.youtube.com/watch?v=P7Ypmm_5gxw&feature=related

11 comentários:

Sol Brito | 10 de dezembro de 2009 17:28

Oi..liguei o computador agora por acaso, porque estou com bastante raiva da minha vida atualmente e porque eu precisava ler o que vc escreveu.A primeira parte achei até que eu é quem tivesse escrito, porque foi assim exatamente que aconteceu...
E agora me vejo aqui nessa época chata do Natal..olho para os lados, meus amigos namorando, inclusive meu ex..e eu aqui com uma baita dor-de-cotovelo e querendo que o mundo pare pra eu descer.
Qualquer dia desses te conto porque o meu namoro não deu certo...mas enfim.Hoje tá foda e eu sinto que estou amarga..deveras amarga...
Hoje acho que não queria companhia de alguém conhecido.Queria sim, sentar com um desconhecido e fazê-lo ia ouvir toda a minha parafernália guardada..rs
Feliz desaniversário de namoro..=(

Mil beijos!

Sol Brito | 10 de dezembro de 2009 17:30

Ah..como te encontro no orkut?????

Marcela Alves | 10 de dezembro de 2009 17:54

Oii, que fofinhu, você só queria alguem para converssar!, a sua historia é bonita porém triste, mais bonita.
Eu adorei essa musica, nunca tinha ouvido essa banda e olha não sei se serve de consolo mais, tudo vai passar. Tudo sempre passa!

bjokax.. eu continuo adorando o seu blog.

wanessa mhaira maia | 10 de dezembro de 2009 18:25

my loove!
é sempre agente que distroi tudo! sempre sempre.
acho que iso é uma doença que agente tem. ;;
agente sobrevive depois de tudo isso.
mas agente é canalha lembra??
ou seja... Nem adianta.
saudades de tu my cara de bunda vaforiitô.!
:*

Priscila Rôde | 10 de dezembro de 2009 19:29

Seja sua companhia!

Marcelo Novais | 10 de dezembro de 2009 21:34

Pode parecer estranho amigoo
mais ODEIO NATAL!
sempre choro
acho tão triste =/
e sua ex volta a pertubar eh?rs
fuiiz!

Letícia Alvares | 11 de dezembro de 2009 01:30

É estranho... essas épocas me tocavam mais a algum tempo atrás.

Acho que o ataque do capitalismo em cima das datas comemorativas tirou a beleza e magia de tudo... Natal virou presente. E presente caro! hahaha (perdeu a graça)

Mas, ano novo, vida nova rapaz...
Talvez esteja na hora do seus aspirador e coração serem concertados por alguém..

Peça ao Papai Noel! hehe

Beijos! ;)

Miss Murder | 11 de dezembro de 2009 18:43

Ano novo vida nova é assim que devemos pensar!
bom gosto musical!

My world | 11 de dezembro de 2009 22:27

Visita meu blog depois... na verdade vc me conhece...
seu blog continua genial!
abraços.

Helena Rocha | 12 de dezembro de 2009 10:53

éeee vixi issu é fogo mesmu, fim di ano começa apassar td na cabeça como filme, o arrependimento bate, a tristeza também +++ momentos otimus tbém, percebemops ki podemos mudar qndu perdemos algo ki antes erra nada e hj vemos ki é td e ki poderia ser td, enfimm. hr di pensar e mudar, keremos continuar a sermos como somos ou iremos pegar com as duas mãos a oportunidade ki a vida nos da di mudarmos, KIm cabe apewnas a nós fazermos essa escolha e podi ter crtz naum é difivil
se errou é normal mais aprenda com seu erro e com naum faça mais, podi fazer melhor vc é massa.
se ainda gosta de "Go" se naum a ama mais sua essa licaum e "go", é issu naum se maxuka e nem se oprime
errrar é humano meu grandi amigoh Kim.
vc é bakana lindu escreve koisa lindas pq saum vrddras issu é d+++ naum liga pro ki os otros falam se existem amor corre e recupera e pronto.
viva sua vida e seja feliz comu puder contandu ki sua felicidade naum seja a tristeza di alguémm.
fiku aki desejandu sorte e td di bom
t adorooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo
deverás milll
se precisar di um ombro amigo tem o meu, se precisar di uma mão amigah tem a minha se precisar chorar conversar e sorrir muito com as piadas e palhaçadas sou vencedora na categoria rsrsr....
to aki konta cmg
tenha um otimu findísssssssss

Maranna | 12 de dezembro de 2009 16:56

É uma data pra comprar e assim ser feliz!
... não é assim q funciona??!

rsrs... credo!

Postar um comentário

G+

Mostruário...

Qualquer Coisa © 2008. Blog design by Randomness